CIMVI apresenta projeto do Observatório de Turismo

Programa Vale Muito – Maravilhas do Vale Europeu retorna às escolas
1 de julho de 2021
Setor de Educação Ambiental do CIMVI realiza sétima formação com GIEAS
8 de julho de 2021

O Consórcio Intermunicipal do Médio Vale do Itajaí (CIMVI), através do setor de Turismo, Esporte e Cultura, apresentou aos municípios consorciados o projeto “Observatório de Turismo”, uma iniciativa que tem como proposta coletar dados para os governos municipal e estadual em relação ao turismo no Vale Europeu Catarinense.

A gestora de Turismo do CIMVI, Arlete Regilene Scoz, explica que essa transparência vai possibilitar a captação de recursos, participação de prêmios e também fornecer dados para a melhoria e qualificação dos serviços de atendimento ao turista.

“Vamos conseguir otimizar os investimentos em placas, revitalização de percursos com desenvolvimento e plataformas que auxiliam o turista a obter a melhor experiência possível, garantindo maior segurança, conforto e aproveitamento dos percursos oferecidos”, diz.

O Observatório de Turismo irá atender aos 12 municípios que compõem o CIMVI, sendo eles: Apiúna, Ascurra, Benedito Novo, Botuverá, Doutor Pedrinho, Guabiruba, Indaial, Luiz Alves, Pomerode, Rio dos Cedros, Rodeio e Timbó. Através desse serviço, o CIMVI irá ter informações de todos os locais de forma simultânea.

Arlete destaca que o objetivo do Observatório é demonstrar e guardar os dados de eventos, turismo, turistas, entidades participantes do circuito do Vale Europeu, empreendimentos cadastrados e conectar as informações do site Circuito Vale Europeu e Observatório Vale Europeu. A empresa contratada para realizar esse serviço junto ao CIMVI e Sebrae é a Girus Soluções em Turismo.

“Essa conexão nos permite avaliar, de modo contínuo, o desempenho da atividade turística regional e sua qualidade, fornecendo informações estratégicas para auxiliar os gestores na tomada de decisões e planejamentos e sendo uma ferramenta de apoio ao desenvolvimento turístico do Vale Europeu Catarinense”, esclarece a gestora.