Gestores municipais da educação fazem visita ao Parque Girassol

CIMVI realizará entrega da primeira certificação do Projeto Vale Europeu Sustentável – Meios de Hospedagem
30 de outubro de 2019
Ecoponto de Ascurra é inaugurado
1 de novembro de 2019
Exibir tudo

(Foto: Richard Ferrari)

Na manhã dessa sexta-feira (01) o Parque Girassol recebeu a visita de gestores da área da educação dos municípios membros do Consórcio Intermunicipal do Médio Vale do Itajaí. O convite foi aberto a todo o público envolvido a essa área de atuação com o objetivo de apresentar os trabalhos e projetos desenvolvidos no Parque Girassol e pelo CIMVI no geral.

A entidade tem alguns trabalhos envolvendo a educação nas cidades. Na área ambiental, o trabalho desenvolvido através do setor ambiental visa a implementação da Minuta de Educação Ambiental nos municípios, através da criação dos Grupos de Educação Ambiental em cada cidade, com o objetivo de fomentar o desenvolvimento sustentável da região, desenvolver atividades de educação ambiental e propor a política ambiental dos municípios e fiscalizar o seu cumprimento.

Na área do turismo, está em evidência a aplicação do programa de conscientização turística nas escolas ‘Vale Muito – Maravilhas do Vale Europeu’, onde os estudantes participam de uma palestra sobre a importância do turismo para a nossa região. Esse tema é trabalhado abordando a consciência de turismo, consciência ecológica, sustentabilidade e história, tradições e cultura local.

No Parque Girassol, a nova denominação do aterro sanitário do CIMVI, acontece o projeto permanente de educação ambiental, onde turmas de estudantes e grupos de entidades da comunidade realizam visitas guiadas conhecendo todo o projeto e instalações do Parque Girassol, que tem a denominação de ser uma unidade de ‘Educação Ambiental e Valorização de Resíduos Sólidos’. Você pode agendar sua visita com seu grupo entrando em contato através do email [email protected]

Além da apresentação desses projetos e dos demais trabalhos do CIMVI em outras áreas, uma conversa foi aberta com os gestores para escutar algumas demandas das cidades que podem ser atendidas através do Consórcio, como a compra de materiais ou a contratação de algum serviço para a área da educação de forma consorciada.